Numa noite de tempestade, perto da costa da África, um homem usou um barco a remo para salvar sua esposa e seu bebê de um naufrágio.

 

 

 Logo alcançaram a praia de uma ilha próxima e construíram uma casa em uma árvore para abrigar-se.

 Nenhum outro ser humano vivia naquela ilha, cuja selva estava cheia de animais.

 

 

 

 

 

Um dia, uma gorila chamada Kala desgarrou-se do seu grupo.

Ela estava muito triste, pois tinha perdido seu bebê para o maior inimigo dos gorilas, o leopardo fêmea Sabor.

 

Foi então que Kala ouviu o choro de outro bebê e, seguindo o barulho, encontrou a casa da árvore. Bastou apenas uma olhadela para ver que a maldita Sabor tinha passado também por ali.

Kala sabia que aquela criaturinha que deveria ter uma família, pois encontrou o retrato dos pais, precisava de cuidados.

 

Então aconchegou-a com bondade em seus braços fortes.

 

 

 

 

Quando Kala voltou para casa, os outros macacos olharam espantados para o pequeno humano.

 

 

- O que é essa coisa esquisita? - resmungou Terk, a filha de Kala.

- É um bebê - disse Kala. - Agora vou ser mãe dele também.

E, com cuidado colocou o bebezinho nos braços de Terk.

-

 

Ele não é igual a nós! - exclamou Kerchak, o chefe dos gorilas.

 

 

 

 

 

- Ele é um perigo para nossa família. Você tem de devolvê-lo!

 

 

 

Mas Kala já estava muito apegada ao bebê e acabou convencendo Kerchak a deixá-la ficar com a criança. Deu-lhe o nome de Tarzan.

 

 

 

 

 

 

 

Um dia, quando tinha cinco anos, Tarzan provocou sem querer o estouro de uma manada de elefantes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Zangado, Kerchak reclamou de Tarzan, dizendo a Kala que ele jamais se adaptaria.

Tarzan ficou chateado e com raiva de Kerchak. Ficou também muito triste por perceber quanto era diferente dos outros gorilas. Kala logo compreendeu o sofrimento do filho.

 

 

Com muito carinho, mostrou-lhe que, por dentro, eram iguais. Era isso que importava.

 

Tarzan estava decidido a provar seu valor a Kerchak. Queria ser o melhor gorila do mundo.

Com os hipopótamos, aprendeu a nadar. Com os macacos, a se balançar nos cipós. Observando o chifre do rinoceronte, teve a idéia de criar uma ferramenta especial: uma lança.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Um dia Kerchak travou uma grande batalha com Sabor.

 

 

 

A fera assassina estava quase vencendo a luta quando Tarzan chegou para ajudar o gorila.

 

 

Derrotou Sabor e salvou Kerchak.

 

 

 

 

 

 

 

Os gorilas ficaram muito contentes! Kala estava orgulhosa. Finalmente, Kerchak aceitava Tarzan como membro da família!

De repente ecoou pela selva um barulho terrível e nunca antes ouvido: tiros!

 

Kerchak imediatamente conduziu sua família para um lugar seguro.

 

 

Mas Tarzan ficou curioso. Correu para ver de onde tinha vindo aquele "trovão"

Ficou chocado quando viu três criaturas muito parecidas com ele. As criaturas eram o professor Porter, sua filha Jane e o guia deles, Clayton.

Os Porters tinham vindo para a África estudar gorilas.

 

 

 

 

 

Então Jane foi atacada por um grupo de babuínos.

 

 

Tarzan logo pulou num cipó para salvá-la!

 

 

Tarzan queria falar com Jane também.

 

 

 

 

 

Pegou suavemente no queixo da moça e finalmente os dois se apresentaram.

 

 

Kerchak ordenou a Tarzan que ficasse longe daquelas criaturas estranhas e barulhentas.

Mas Tarzan queria saber mais a respeito delas.

 

 

 

 

No acampamento dos humanos, Tarzan aprendeu muitas coisas.Tarzan ensinou-lhes a dizer "Jane fica com Tarzan" na língua dos gorilas.

 

 

 

 

 

 

 

Kerchak estava furioso com a atitude de Tarzan, levando os humanos para ver os gorilas.

 

 

 

Os bebês macacos adoraram Jane!

 

 

Mas Kerchak os atacou e Tarzan o segurou para que os humanos fugissem.

 

 

 

 

Kala então resolveu contar a verdade levando Tarzan à casa da árvore para que ele soubesse da sua origem e pudesse escolher:

viver com os macacos ou com os humanos.

 

 

 

 

Tarzan escolheu Jane!

 

 

 

E todos assistiram à partida do amigo. Estavam mais tristes do que zangados.

 

 

A bordo do navio, Tarzan teve uma surpresa desagradável.

Clayton assumiu o comando e deixou-os todos prisioneiros.

 

Quando soube do plano para capturar macacos, Tarzan deu um grito terrível.

 

 

Os amigos da selva vieram todos ajudar Tarzan a salvar os gorilas das garras de Clayton. Jane e Porter também vieram ajudar os amigos.

 

De repente Clayton atira em Kerchak.

Antes de morrer se desculpa e pede ao filho que cuide da família, porque de agora em diante, ele seria o grande líder.

 

 

 

E assim todos ficaram juntos e viveram felizes para sempre.